GERAL SAÚDE

Assis recebe recomendação sobre circulação do vírus Influenza H3N2

Cobertura vacinal está abaixo do ideal

05/01/2022 09h41 Atualizada há 2 semanas
Por: William Borges
Reprodução
Reprodução

A Secretaria de Saúde de Assis Chateaubriand recebeu recomendações da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná sobre a circulação do vírus Influenza A (H3N2) e, assim, intensificará as ações de vigilância dos casos suspeitos de síndrome gripal, ocasionados pelo vírus influenza.

De acordo com a Secretaria de Saúde, estão sendo registrados vários casos de gripe provocados pelo vírus Influenza e que está sendo confundido com o Covid-19.

O que temos observado é que houve um aumento considerável de pessoas com sintomas de gripe que buscam atendimento nas Unidades de Saúde. Nesta primeira semana do ano, os exames de Covid-19 aumentaram e também houve um aumento de casos positivos. As pessoas estão procurando as unidades por ficar com dúvida se é gripe ou coronavírus e os exames negativados para Covid estão sendo tratados como Influenza. O importante é o profissional médico ter certeza através de exame. Não sendo, vai tratar como sendo gripe mesmo, no entanto, na dúvida, procurem as unidades, pois os sintomas se confundem”, alertou o Secretário de Saúde Fabio Fantin Camilo.

Ainda conforme o Secretário um pouco de todo o problema com relação à influenza é a baixa procura por vacina contra o vírus. O ideal era atingir mais de 90% de cobertura vacinal, porém, o município alcançou apenas 78% do público-alvo.

Durante o ano passado, devido à preocupação com a vacina do Covid-19, infelizmente, a vacina contra Influenza sobrou nas unidades. Quem tiver interesse pode passar nas unidades e ser imunizado contra o vírus influenza”, salientou Fabio Fantin Camilo.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o vírus Influenza ataca principalmente as crianças menores de 2 anos de idade, pessoas acima dos 60 anos e cidadãos portadores de doenças crônicas.

Recomendações

Frequente higienização das mãos, principalmente antes de consumir algum alimento. No caso de não haver disponibilidade de água e sabão, usar álcool gel a 70%, utilizar lenço descartável para higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;  evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;  higienizar as mãos após tossir ou espirrar;  não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;  manter os ambientes bem ventilados;  evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de Síndrome Gripal;  evitar sair de casa em período de transmissão da doença; evitar aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);  adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos e buscar atendimento médico em caso de sinais e sintomas compatíveis com a doença, tais com: aparecimento súbito de: calafrios, mal-estar, cefaleia, mialgia, dor de garganta, artralgia, prostração, rinorreia e tosse seca. Podem ainda estar presentes: diarreia, vômito, fadiga, rouquidão e hiperemia conjuntival.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.